Archive for Abril 2012

Facebook ultrapassa o Google em acessos pela primeira vez no Brasil

Em cinco dias de abril, o Facebook esteve à frente do Google. 

Facebook ultrapassa o Google em acessos pela primeira vez no Brasil Reprodução/http://www.serasaexperian.com.br
Em cinco dias de abril, o Facebook esteve à frente do GoogleFoto: Reprodução / http://www.serasaexperian.com.br


O Facebook chegou pela primeira vez em abril deste ano ao topo do ranking de acessos no Brasil, superando o Google, tradicional líder de visitas. No dia primeiro deste mês, um domingo, a rede recebeu 10,52% dos cliques dos internautas brasileiros, enquanto o buscador permaneceu na segunda colocação, com 10,42% do volume de acessos. O fenômeno se repetiu nos dias 6, 8, 14 e 15 de abril.Nos últimos seis meses, o Facebook registrou um crescimento de 5,3% em volume de visitas, de acordo com dados da Experian Hitwise. De maneira geral, os picos de participação em visitas apresentados pelo Facebook em relação aos demais sites ocorrem aos fins de semana e feriados, fato que coincide com o aumento das visitas às redes sociais e aos fóruns.Pesquisas da comScore indicam que buscadores de maneira geral detêm a preferência dos brasileiros na web: 99,1% usam este tipo de serviço. 

Outra categoria de atividade online em que nos destacamos é na utilização de programas de comunicação instantânea, como MSN, já que mais de 70% dos internautas do país não abriram mão deste recurso, mesmo com o avanço dos sites de redes sociais. A média mundial é de 29,4%.Quando é considerado o número de pessoas inscritas no serviço, o Brasil já está em terceiro lugar no ranking mundial do Facebook, atrás apenas de Estados Unidos e Índia. 

São quase 45 milhões de perfis brasileiros, ou quase 60% dos internautas do país — um crescimento de 26,92% em relação ao mês anterior. O caminho para deixar o segundo colocado para trás não é longo: a diferença é de pouco mais de um milhão. O site especializado em estatísticas Social Bakers informa que 32% têm entre 18 e 24 anos, e 28% estão na faixa etária entre 25 e 35.Até agosto de 2011, o site de rede social mais acessado no Brasil ainda era o Orkut. Naquele mês, o Facebook registrou 30,9 milhões de visitas, ou 68,2% dos internautas no trabalho e em domicílios, equiparando-se ao Orkut, o maior site social no Brasil, até então, que registrou alcance de 64%, ou 29 milhões de usuários. Vale notar que o Twitter, outro popular serviço de relacionamento, teve 14,2 milhões de acessos no mesmo período.


Fonte: ClicRBS


Brasil é o campeão no uso de comunicadores instantâneos






Quem foi apresentado à internet no final dos anos 90 cultiva certa nostalgia pela florzinha verde do ICQ e pelo "oh oh" que anunciava uma nova mensagem. O programa foi um dos precursores dos comunicadores instantâneos que serviram de impulso ao desenvolvimento da internet.


Nos últimos anos, o ICQ andou sumido e até o MSN — rebatizado de Windows Live Messenger em 2005 — parece ter perdido um pouco dos holofotes para as redes sociais. É apenas impressão: o Brasil está longe de deixar de ser o paraíso dos serviços de chat online.


No mundo inteiro, 29,8% dos internautas usam esse tipo de comunicação. No Brasil, segundo dados da comScore, são 70,7%, com o Windows Live Messenger na liderança. Entre janeiro de 2011 e janeiro de 2012, a média de usuários ficou estável.— O Brasil é o principal mercado para a categoria dos mensageiros instantâneos.


É bem claro que o brasileiro gosta muito de comunicação instantânea, e é uma atividade que continua muito forte — relata Alex Banks, vice-presidente da comScore para América Latina.A persistência da popularidade deste tipo de programa foi percebida pelo Facebook, que lançou a própria plataforma de conversação para Windows 7. O Google aposta no Google Talk, que reúne os contatos do Gmail e do Google+ e permite até chamadas telefônicas. E a Microsoft pagou US$ 8,5 bilhões pelo Skype para tentar melhorar o serviço de videochamadas do seu mensageiro.


Se para os usuários mais antigos é difícil abrir mão do hábito da mensagem instantânea, os novos internautas, pouco familiarizados com essa cultura e já imersos nas redes sociais, podem não acompanhar a tendência. Segundo dados da comScore, em março de 2011, 83% das pessoas que acessavam o Facebook também usavam o Windows Live Messenger. Doze meses depois o número de usuários na rede social explodiu, e a média de usuários do Facebook que acessam também o Windows Live Messenger caiu para 69%.


As plataformas de comunicação são complementares. A próxima grande revolução da comunicação da internet deve ficar com quem achar a melhor solução para que o usuário possa se comunicar usando apenas dois dedos. Por enquanto, nos dispositivos mobile, as redes sociais têm saído na frente.


Principais comunicadores instantâneos:


  • ICQ (1996);

  • Windows Messenger - MSN (1999);

  • Skype (2003);

  • Google Talk (2005);

  • Facebook Messenger (2012).
Marina Goulart - Zero Hora



Bateria de Notebook. Como fazer durar mais?


O computador portátil é uma ferramenta nova sim, nova e popular. Como todos sabemos, o computador é uma ferramenta que existe á muito tempo, porém, antigamente, para se controlar um, era necessário pelo menos três pessoas, e hoje em dia, eles são portáteis, com isso, o público passa a ser mais exigente com as empresas de Notebook’s quanto a duração da bateria. Pensando nisso, a Hands On esta listando dicas de como fazer a bateria do seu notebook “durar mais”.

A maioria dos notebooks utiliza bateria de íons de lítio (Li-Ion). Em teoria, ela não deveria apresentar quaisquer problemas de “vício” ou perda de capacidade. Porém, a história é bem diferente na prática, quando vemos que a carga não dura nem metade do tempo que é prometido.
A partir desse tipo de situação é que surgem tutoriais que em teoria resultam na salvação da bateria. Uma das tantas dicas que circulam pela web foi sugerida pelo site MakeUseOf, o qual recomenda a remoção da bateria para que sua vida útil seja prolongada. Mas será que isso funciona mesmo? É o que vamos ver hoje!

Usando íons para alimentar o computador

Antes de falar da vida útil, precisamos entender como a energia flui no interior da bateria. Os modelos de íons de lítio possuem cinco principais elementos: o ânodo, o cátodo, o separador, o eletrólito e os íons. Tudo isso fica no interior da bateria, sendo que cada uma possui pequenas diferentes no projeto de construção.
 
Os íons ficam embutidos no ânodo, o eletrodo negativo — algo que você provavelmente aprendeu nas aulas de química. Quando você liga o computador sem estar com o cabo conectado à tomada, os íons começam a transitar do ânodo para o cátodo (o eletrodo positivo).
Para fazer tal caminho, eles passam pelo eletrólito e pelo separador — esse último é uma folha fina de plástico que separa os eletrodos. Esse processo libera energia para os componentes da sua máquina e, consequentemente, resulta na descarga da bateria.
Na hora de recarregar, o processo inverso ocorre. A energia que alimenta a bateria forçará os íons a voltarem para o ânodo, deixando-os prontos para mais um processo de descarga.  Esses processos de ida e de volta dos íons poderiam ser realizados eternamente, porém, alguns íons podem ficar presos nos eletrodos, o que reduz a capacidade da bateria e o tempo de vida útil.

Motivos válidos para remover a bateria...

Agora, você já tem uma noção de como funciona sua bateria. Portanto, vamos responder à grande pergunta: afinal, posso aumentar a vida útil da bateria removendo-a do notebook? Sim! Assim como citado no artigo do site MakeUseOf, ela tende a durar muito mais quando é removida do seu laptop, afinal, a quantidade de ciclos de recarga tende a diminuir. Mas há outros motivos para você realizar esse procedimento.
Primeiro, existe o problema do superaquecimento do computador. O calor é um grande inimigo da bateria, pois ele promove reações químicas que podem reduzir a capacidade das células dela. Pense que uma bateria já aquece sozinha e, caso você deixe-a conectada sem necessidade, o calor proveniente dos demais componentes vai piorar as coisas. Detalhe: o calor atrapalha qualquer tipo de bateria, inclusive a que você usa no seu smartphone.
Depois, o mau funcionamento da bateria pode surgir em decorrência de sobrecarga ou de altas tensões. Deixá-la carregando sempre é algo desnecessário, ainda mais que ela pode sofrer danos por manter alguns poucos íons realizando o mesmo processo continuamente.
Normalmente, os notebooks vêm devidamente regulados para evitar problemas com voltagens, porém, se um regulador falhar, sua bateria pode ser danificada. Os suportes técnicos de algumas fabricantes informam o contrário, contudo, considerando experiências próprias, podemos afirmar que algumas baterias viciam e podem ser danificadas por alta tensão.

Dicas para fazer sua bateria durar mais

  1. Sempre que o notebook estiver ligado à tomada, remova a bateria para evitar danos.

    Nota: vale lembrar que você deve retirá-la enquanto o computador estiver desligado. Além disso, salientamos que você deve tomar os devidos cuidados com a falta de energia, pois seu notebook estará sem uma fonte de alimentação alternativa;
  2. Quando for usar a bateria, evite atingir níveis abaixo de 20%;
  3. Evite deixar que a bateria perca toda a carga. Use a descarga completa apenas quando sua bateria apresentar problemas, assim como é indicado por muitas fabricantes;
  4. Opte por recarregar a bateria quando o notebook estiver desligado;
  5. Quando for usar o notebook somente com a bateria, procure usá-lo em locais bem refrigerados e, de preferência, use acessórios (como coolers) para manter o PC sempre com baixas temperaturas.
Observação: estamos cientes de que algumas dicas aqui citadas diferem das orientações de determinadas fabricantes, porém, salientamos que elas servem para prolongar a vida útil da bateria. Contudo, caso você siga as instruções do manual, a bateria do seu notebook deve funcionar normalmente por um tempo razoavelmente longo.
Enfim, por mais tecnologia que exista no campo de energia e baterias, parece que os problemas nunca são totalmente solucionados. Esperamos que as dicas tenham sido úteis e que você procure economizar sua bateria.

Fonte: TecMundo
4 de abril de 2012

Siga por Email

Postagens Populares

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Blog da Hands On Formação Profissional -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -